You are currently viewing 5 tipos de meditação com resultados comprovados cientificamente

5 tipos de meditação com resultados comprovados cientificamente

O autoconhecimento proporcionado pela meditação traz resultados fantásticos em nossa vida. E inclusive, seus resultados são comprovados cientificamente.

Inclusive, uma das pesquisas foi publicada na revista Biological Psychology. Usando varreduras cerebrais de ressonância magnética, os pesquisadores compararam 21 praticantes de medicação experientes com 19 pessoas que estavam meditando pela primeira vez. 

Eles descobriram que os correlatos neurais da atenção plena eram mais pronunciados em meditadores experientes. Em particular, os meditadores experientes mostraram diminuição da ativação nas estruturas corticais da linha média pré-frontal e áreas pré-frontais inferiores esquerdas relacionadas à linguagem.

Ou seja, fica comprovado que a meditação é extremamente benéfica, principalmente no médio e curto prazo, ao nosso cérebro.

Por isso, preparei esse post com 5 tipos de medicação que você pode praticar e também colher todos os resultados positivos que elas proporcionam em sua vida!

1. Meditação Mindfulness

A meditação mindfulness se origina dos ensinamentos budistas e é a técnica mais popular. Nela, você presta atenção aos seus pensamentos e não os julga nem se envolve com eles. Você simplesmente observa e se conhece melhor.

2. Meditação Transcendental

A Meditação Transcendental é uma forma espiritual e que usa um mantra ou uma série de palavras específicas para que você se conecte com seu eu interior.

3. Meditação Alinhamento MP®️

Essa meditação foi desenvolvida por mim e é uma técnica meditativa com impressão de foco. Vai além de meditar, ao imprimir um objetivo de forma que o cérebro entende como uma experiência real positiva e assim, produz química de bem-estar.

Leia também::: Como desenvolver autoconfiança para uma vida plena?

4. Meditação Vipassana

A meditação Vipassana é uma antiga forma indiana que significa ver as coisas como realmente são. Seu objetivo é a autotransformação por meio da auto-observação.

5. Meditação Kundalini

A Kundalini é uma forma fisicamente ativa de meditação que combina movimentos com respiração profunda e mantras. Ela se assemelha à ioga e pode melhorar a força física e reduzir a dor. Também pode melhorar a saúde mental, reduzindo a ansiedade e a depressão.

Seu destino consciente

Para um praticante iniciante, o desenvolvimento da meditação exige dedicação. Mas, à medida que se aprofunda por meio da repetição física e da conexão mente-corpo, você experimentará os benefícios da mediação para o cérebro. 

O aumento da pesquisa apresenta benefícios comprovados para o bem-estar, memória e atenção aprimoradas, um aumento na serotonina, e a lista continua crescendo.

Treinar seu cérebro com a medicação é mais fácil do que parece. Se você ainda não experimentou, a meditação é simples. Não requer nenhum equipamento extra, nenhum treinamento prévio. 

Simplesmente sente-se em uma posição confortável, seja em uma cadeira no chão, e comece a se concentrar em sua respiração. Quando sua atenção se desviar, gentilmente traga seus pensamentos de volta à respiração.

Tente variar sua técnica, experimentando vipassana, trabalho de respiração, transcendental, canto, atenção concentrada e do Alinhamento do Movimento Perfeito. Cada um deles pode ser guiado ou silencioso.

A meditação, assim como o exercício, pode transformar seu cérebro. Como um indivíduo mais atento, você criará uma experiência mais completa e consciente com uma conexão mais significativa. Está ao seu alcance mudar seu cérebro — comece hoje.

E caso queira saber mais sobre o método de medicação que elaborei, clique no link abaixo e confira esse vídeo que preparei para meu canal no Youtube!